Tag Archives: bolo

O fundo do mar está em festa!

8 mar

Danielle e Guilherme Schleder receberam os familiares e amigos no Espaço Existe um Lugar, na Barra da Tijuca, para comemorar os 3 anos da alegre Luisa. Muitas brincadeiras, música, a visita ilustre da princesa Ariel e seu príncipe tornaram a tarde muito especial! A decoração cheia de detalhes lindos transportou a todos para o fundo do mar, com direito a ostras de biscoito com pérolas de chocolate (mmmmm!!) e muitos peixinhos de açúcar para adoçar ainda mais o dia!

 

151101LC-0014151101LC-0016151101LC-0018151101LC-0027151101LC-0043151101LC-0046151101LC-0084151101LC-0097151101LC-0133151101LC-0135151101LC-0137151101LC-0177151101LC-0181151101LC-0271151101LC-0289151101LC-0304151101LC-0316

 

Local: Existe um Lugar, Barra da Tijuca.

Fotografia: Carol Bussière

Clarice fez 3 anos

6 set

Fico tão feliz quando posso acompanhar meus mini-clientes crescendo… suas descobertas, minhas descobertas! Eles são para mim aprendizado constante, surpresas deliciosas, a possibilidade de renovação. Quero agradecer à Clarice, mamãe e papai por me permitirem fazer parte destes momentos especiais de vocês! E desejar muita felicidade para esta pequena esperta e que já sabe o que quer!

 

IMG_5840

140817C3-0240

140817C3-0064

140817C3-0106

 140817C3-0198

140817C3-0201

140817C3-0216

140817C3-0228

 140817C3-0247

140817C3-0257

 140817C3-0145

IMG_5865

IMG_5871 

 

Local: Casa de Festas Espoleta – Botafogo

Bolo lindo!

15 abr
foto de Maíra Preto - fotografia

foto de Maíra Preto – fotografia

Olha só que fofice esse bolo… além de super apetitoso!

 

Dia de luz, festa de sol….

13 jan

Sem barquinho ou super herói… decidi fazer uma festa para comemorar o aniversário de 2 anos do meu filho sem um tema específico. Queria um dia com cores, muita alegria, brincadeiras ao ar livre, mas não conseguia escolher nenhum tema que me despertasse o interesse, e ele também não tem um personagem favorito ainda, então decidi que a festa não precisava de um tema para ser linda e divertida! Claro que nesta aventura de fazer uma festa sem tema levei comigo a única pessoa doida o suficiente para aceitar minhas idéias malucas: Elaine Maia, do Festejando com Carinho. Foi dela também toda a organização do batizado do Lucas, linda linda linda! Gosto dela pois, além de ser minha amiga, é uma pessoa que aceita desafios, “pensa fora da caixa”, gosta de quebrar padrões!

Optei por uma decoração simples, utilizando papel reaproveitado, fiz muitas bandeirolas, cataventos e correntinhas (lembrei muito da minha infância, quando enfeitávamos nossas festas com correntinhas de papel de revista) e fitas de cetim que tínhamos em casa. Tudo muito colorido, mas econômico, e eco-consciente.  Não queria desperdícios! Já falei sobre isso em posts anteriores….

Imagem

Imagem

Os enfeites da mesa foram baldinhos de praia e outros brinquedos coloridos que já tínhamos em casa, com macarrons multi-coloridos, pirulicakes (cake pops), mini cupcakes e pirulitos das meninas do Sister’s Sweet Studio.

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

O bolo, atração a parte na mesa, não tinha pasta americana – naked cake – deixando a mostra toda aquela delícia de recheio, foi montado lá em casa mesmo pela Juliana Esteves, do Make my Cake. Uma obra de arte para se comer com os olhos antes mesmo de comer com a boca!

Imagem

Comprei os saquinhos das lembrancinhas numa viagem a NYC, antes mesmo de saber se haveria uma festa, onde seria, qual o tema, nada, pois me apaixonei pelas cores. E foram justamente eles o Norte de toda a decoração. Lá dentro, colocamos pião, peteca, bolinhas de sabão, apito… além disso, usei bolas de plástico, bambolês e boias de piscina que depois a criançada levou pra casa também. A decoração era toda reaproveitável, todo mundo foi saindo da festa com algum ítem, o que me ajudou bastante na hora de arrumar tudo no final… não tinha quase nada mais! Hehehe!!! Essa era a intenção mesmo!

 Imagem

No jardim, montamos dois lounges descontraídos com almofadas, pufes, pallets, toalhas de picnic…

Imagem

Imagem

A Elaine fez os centros de mesa com latinhas de sustagem que guardei durante meses para usar na festa.

Imagem

Imagem

Imagem

Os únicos balões de látex que usamos foram esse aí, gigantes (o numero 2 media 1 metro de altura), na porta de casa, para sinalizar que a festa era ali! Na minha opinião, uma decisão muito acertada, pois sempre acho um desperdício imenso de dinheiro e fico pensando para onde todo aquele látex vai depois que a festa acaba… meu filho não sentiu falta nenhuma de bolas de gás na festa… e acho que nenhuma outra criança sentiu também…

Imagem

Enfeite da Camila Design que “fugiu” do quarto dele para enfeitar a porta:

Imagem

Imagem

Imagem

A animação foi um capítulo a parte… sou fotógrafa de eventos familiares, entre eles casamentos, bodas, batizados… e festas infantis! Confesso que antes mesmo de ser mãe, já me apavorava com algumas “recreações” de festas infantis. Gritos, microfones a todo volume, já ouvi até “tiozinho” da animação chamando convidados de “Ô cabeção, vem cá!”… S.O.S!!!! Depois de ter um filho, passei a frequentar festas infantis quase todos os finais de semana (a vida social dele é mais intensa que a minha!) E definitivamente não gosto da maioria das animações. Então, pesquisei muuuuuito antes de contratar alguém. Por fim, escolhi o Trelelê para os grandinhos – com jogos pedagógicos e brincadeiras ao ar livre – música ambiente, sem gritaria, eles deixaram a criançada super entretida e feliz. Para os pequenos, fizemos uma rodinha de histórias com a Giovana Olivieri , super carinhosa, criativa, apaixonada pelo que faz! A conheci num evento no Empório da Papinha, no Itanhangá, aqui no Rio, há meses… eu sempre achei que meu filho não curtia muito historinhas, não se fixava, mas ela encantou tanto o Lucas, ele ficou tão envolvido na roda, que esse foi o meu presente de aniversário para ele: uma rodinha de histórias com a Giovana!

Imagem

Imagem

E, depois desse abraço carinhoso no fim da roda, posso dizer que eu acertei na minha escolha, não acham?!

Imagem

Outro cantinho divertido e muito badalado da festa foi a sucatoteca! Durante vários meses juntamos muitos “lixinhos” para tornar esse canto interessante… a criançada soltou a imaginação: pintou, recortou, colou… e cada um foi levando para casa uma obra de arte mais interessante do que a outra!

Imagem

Imagem

Até os adultos brincaram… fizemos um photobooth com adereços divertidos para fotografias e nos divertimos muito fazendo caras e bocas!

Imagem

O lounge embaixo da tenda colorida foi o mais cobiçado da festa… estava quente demais, e se esparramar no jardim era mesmo uma boa opção! Dezembro no Rio de Janeiro é assim…

Imagem

Imagem

O cardápio da festa foi todo pensado para um dia extremamente quente (como realmente estava aquele sábado), a Dani Ribeiro, da Maria Quituteira, caprichou na bruschetta – super comentada – nos palitinhos de fruta e nos sucos – todos feitos lá em casa mesmo, fresquíssimos! Mais um refresco para a galera, o Sorvete Alex servido pelo proprio aniversariante foi muito concorrido. Os sabores favoritos foram Coco e Chocolate Africano.

Imagem

Imagem

As brincadeiras foram democráticas: adultos e crianças participaram, foi muito gostoso ver pais e filhos juntos, brincando, rindo… não gosto quando vou a uma festa de criança em que os adultos ficam todos bebendo de um lado e as crianças do outro com as babás brincando. Queria propor algo diferente para meus amigos e suas famílias, celebrar a vida do meu filho junto com eles e seus filhos. Conseguimos! Pula pula, slack line, piscina, todo mundo brincando junto! Bom demais!!!!!

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Na hora do parabéns, fizemos uma mesa baixinha, na altura das crianças, pois queria que todos participassem e apagassem as velinhas com o Lucas – criança ama apagar velinhas, mesmo quando não é seu aniversário… os primos e a melhor amiga ficaram na mesa grande, para as fotos, mas depois do parabéns foram todos para a mesa pequena.

Imagem

Imagem

E aí, mmmmmmmmm…. veio a parte mais divertida da festa, já uma tradição na nossa pequena família (eu, marido e filhote): preparar, atacar, e comer o bolo com a mão!!!!!

Imagem

Que farra boa!!!! A criançada adora!! E a festa chegou ao fim nesse clima de muita alegria… ninguem queria ir embora.

Imagem

Imagem

Quero agradecer muito a presença de todos que puderam comemorar com a gente o aniversário do nosso filhote!!! Quero agradecer também a todos os amigos, primos, parentes e fornecedores que nos ajudaram a fazer aquele dia tão saboroso, divertido, refrescante, docinho, alegre e lúdico, do jeito que nós imaginamos para a criançada e para os grandes tb!!!! Vocês foram todos especiais e essenciais para o sucesso da nossa festa!
Por último, mas nao menos importante, quero agradecer imensamente a cada um que me ajudou a tornar possivel convidar alguém para aquela casa que, há poucos dias ainda era somente um canteiro de obras: mamãe, sograo, tia Cris, Bob, Didi e tio Guigui, vcs são demaissssssssssssss!!!! Somos um time!!! Amo vocês!!!!
Por favor, quem tiver fotos, mande para meu email EM ALTA RESOLUCAOOOO!!!!!!!!! Super obrigada!!!
Beijos
Carol, Roni e Lucas

Bolo bagunçado

30 jul

Já ouviram falar em “naked cakes“? Ando muito in love com esses bolos mais bagunçadinhos, despretensiosos, com cara de “não levo muito jeito na cozinha, mas fiz com amor”….

20120729-130502.jpg

Você é luz!

20 jul

ImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagem

ImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagem

Doces: Sister´s Sweet Studio

Papelaria Personalizada e Toilet-kit: Festejando com carinho

Fotografia: Carol Bussiere – Photography

bolo dos desejos

27 ago

Uma brincadeirinha que toda criança – de qualquer idade – vai gostar: ao confeitar o bolo de sua festa, coloque dentro da massa várias fitinhas com um pingentinho amarrado na ponta de cada uma, simbolizando vários desejos (coração = amor; figa = proteção; ferradura = sorte, e assim por diante). Cada amigo deve escolher uma fitinha, sem saber o que vai encontrar quando puxá-la.

A brincadeira pode ser adaptada de acordo com o tema do evento. Se for um chá de panelas, por exemplo, somente uma das fitinhas deve vir premiada com um anel, e as amigas solteiras da noiva devem escolher cada uma uma fita. Quem tirar o anel será a próxima a “desencalhar”!

 

 

 

 

foto: CasamientoFeliz

Chá de bebê da Valentina

24 mar

Um chá de bebê para uma princesa que já já chega ao mundo. Tudo feito com muito capricho pelas mãos talentosas da mamãe, das amigas (eu, inclusive, minha gente) e das tias prendadas!

As lembrancinhas feitas pela futura mamãe: potinhos com doce de abóbora e jujuba para a criançada – que não era pouca!

Os botoezinhos usados no acabamento deram uma bossa!

Surpresinha que preparei pra ela: uma árvore dos desejos que, ao fim da festa, estava repleta de mensagens carinhosas para a pequena que chega em breve… até a criançada aderiu – aqui vemos a Laurinha colocando seu recadinho na árvore!

A mesa que foi toda idealizada pela mamãe e montada com a ajuda da Ju, cunhada nota mil! A bandeirola com o nome da bebê foi feita por mim… que orgulho do meu talento! Hehehe!

Delícias da mesa de doces: chocolates da Cristiane Bussière, Bolo e Cupcakes da Ju Esteves.

E para terminar o post, uma fotinho da gente com a mom-to-be: Eu, Lucas, Julinha, Carola e Valentina no meio, e Camila na outra ponta.

bolos lindos

26 set

Do site de Martha Stewart

Gostou? Então espalhe esta notícia!

torre de cupcakes

16 set

Que o bolo faz parte da tradição das festas de casamento, de aniversário, isso você sabe. Aliás, todo mundo sabe. Que os cupcakes, aqueles bolinhos recheados em forminhas, vieram para ficar, isso você também já sabe. Mas o que você não sabia é que a tradição e a novidade se uniram e trouxeram o que chamamos de "Torre de cupcakes": uma combinação entre o bolo tão conhecido no topo e os cupcakes decorados, que juntos, fazem qualquer decoração superar as expectativas.

Vantagens não faltam!

A versatilidade que a torre oferece é uma delas, pois os cupcakes permitem uma combinação e variação de sabores, antes restritos a uma massa e dois tipos de recheio nos bolos tradicionais. Outra vantagem é que os cupcakes podem ser decorados de diferentes formas e cores, para compor o "cenário" do bolo. E tudo isso, tendo ainda um bolo de topo, para colocar a vela e fazer o tão esperado corte da primeira fatia, após os cumprimentos ou parabéns.

Agora, a vantagem mais importante, é que a torre de cupcakes pode ser usada em qualquer tipo de festa, desde o casamento mais requintado à festa infantil mais colorida. É só deixar a criatividade fluir.

No Rio de Janeiro, o Sister´s Sweet Studio, ateliê de doces finos das irmãs Erika, Francine e Tercia, se especializou para oferecer a Torre de Cupcakes. São diferentes tamanhos de torres (que podem comportar mais de 100 cupcakes até), sem contar nos diversos sabores dos cupcakes, que só de olhar dão água na boca.

Gostou? Então espalhe a notícia!

%d blogueiros gostam disto: